domingo, 14 de junho de 2009

To live, to breathe.

A necessidade de protecção é avaliada consoante os sentimentos factuais e do momento. O sentimento do peito a comprimir, do ser a diminuir, do coração a apertar. Vontade de vomitar.
O tremer normal, o sorriso forçado, o sonho anómalo, o pesadelo que preenche as minhas vísceras. O gritar mudo, o chorar seco, o calor gelado, o afogar o batimento cardíaco. A falta de consciência, a certeza da inconstância, o arder pesado nos olhos que não focam. A perfeição natural de quem não quer ver. A imperfeição geral de quem não tem vergonha. Quando vou parar de sussurrar? O pesadelo apodera-se de mim.

'


6 comentários:

Adomnán disse...

Enfim, quando descemos assim a essa profundidade abismal e gélida, só nos resta ser fortes e resistir até que algo nos traga de novo à superfície...i know it is not easy...and i also know that there is nothing i can do but to assure you that i'll be here, for anything you might need...

Ines disse...

Ora vês, a minha necessidade de protecção depende das hormonas e da altura do mês! :P
E olha... estou FARTA de me despedir das Pessoas (com P maiusculo) este ano!!!
Cocós para vós! (até rima... lolol)

Count Orlok disse...

Às vezes um sussurro consegue ser mais audível que um grito. Tudo depende: depende de quem sabe escutar as dissimulações emotivas, mas também de quem expressa o desejo na insegurança ter capacidade de manter a vontade de não se transformar em pedra esculpida pela repressão interior.

Mas haverá sempre a certeza de um acordar. O pesadelo dissipa-se e a necessidade de segurança expressa-se na visibilidade das cordas de segurança que tecemos e deixamos tecer à nossa volta. Porque há sempre um momento de respirar, a quebra de um sentimento oco asfixiante, a vontade de viver e de deixar para trás tudo aquilo que nos consome.

Firefly disse...

Obrigado pelos comentários...

Rute disse...

Is time for you to shine! The dark clowd has to go away! Your deserve so much more!

GotchyaYinYang disse...

To live, exactly! Just that.