sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Fim

Yeah... pois...
Life's a bitch, and then you die...


2 comentários:

Nuno disse...

Less depression my friend...

Don't let your friends be kept at bay just because you're sad and angry with world. Life doesn't end just because your heart is broken. And you're old enough to know that by experience. There's much more in the world than past experiences!

You're walking a lonely road... Worse, it seems that you don't recall to your friends... Being down all the time brings nothing but suffering, stupidity and loneliness. Change your point of view, come on!

Big hug ;)

Tiago Reis disse...

O Mundo pinta-se do nosso ponto de vista. O Mundo, que um dia nos acolheu, vira-nos as costas de súbito… E somos dignos disso? Será o Mundo digno de uma coisa dessas?
Mas será o Mundo apenas o que nos resta? Não… Existe o Mundo e o mundo além deste… Porque nos reservamos apenas ao Mundo, quando sabemos que existe algo para além dele?
Não sejamos sujeitos ao que não nos está reservado. Sejamos uma reserva para o mundo além, para o que aí vem. Não sejamos a alma fechada num cubo. Não sejas tu parte desse Mundo… Abstrai-te dele e pensa no outro lado… Deixa o Mundo de parte e vive o seu paralelo, o Anti-Mundo. Pois só este nos dá o que ainda não temos… o inequívoco do futuro, a ambição do desconhecido…
A Vida não é tão má quanto a pintamos… Quanto a pintas… Manchas negras num amplo espaço branco. A antítese de cores espelhada na vida obtusa e sem nexo e ao mesmo tempo colorida e cheia de vida!

Deixa a Vida renascer… Deixa-te novamente Viver, Ser… Só assim conseguirás retirar o suco que a Vida dá… O suco que existe mas que por cegueira ou embirração não o vemos…

Sê tu novamente… O lado jovial, banal, divertido, alegre e amigo do mundo como tu tanto sabes ser.

Sê quem és na realidade, sem influências, sem forças secundárias… E verás que a vida é bela.

Um Grande Abraço.

Tiago Reis